Vamos falar da RuPaul: Foxy Lady

Após o sucesso arrombador de edys do "Supermodel of the World", era difícil ligar a TV e não ver a RuPaul, principalmente depois que a bunita ganhou seu próprio programa, o "The RuPaul Show". Não, meu amô, não é versão protótipo do "RuPaul's Drag Race", tzá? Era mais um talk show e até chegou a passar aqui no Brasil nos primórdios do Multishow.
Musicalmente, levou um bom tempo até RuPaul voltar para o estúdio e gravar um álbum novo. Seria medo de um possível fracasso após o "Supermodel of the World"? A xente não pode esquecer da parceria da Mama Ru com Elton John no single "Don't Go Breaking My Heart", que já pintou por aqui anos atrás. Enfim, como dá pra perceber, RuPaul tava muito na moda, mas isso não ajudaria a salvar o "Foxy Lady" do fracasso. 

Para a produção do álbum, RuPaul contaria com um time de DJs famosos, como Eric Kupper, Peter Lorimer, Richard "Humpty" Vission, Joe Carrano, mas será que tanta gente seria capaz de evitar a mesmice musical do álbum anterior? Já vou adiantar que não, tzá? Enfim, o "Foxy Lady" foi lançado em outubro de 1996 com o seguinte tracking list:

1- Happy
2- Party Train
3- A Little Bit of Love (single)
4- Snapshot (single)
5- Foxy Lady
6- R. U Nasty
7- Falling
8- Dolores
9- Work that Body
10- Celebrate (promo)
11- Snatched for the Gods
12- If You Were a Woman and I Was a Man
13- Snapshot (Welcome's Moody Radio Edit) (bônus da edição japonesa)
14- Snapshot (Vission & Lorimer Disco-Tech) (bônus da edição japonesa)
15- Snapshot (Kupper's Extended Version) (bônus da edição japonesa)

Se no "Supermodel of the World" é o house que domina, em "Foxy Lady" teremos uma sonoridade bem dance e típica de meados dos anos 90. Happy é um exemplo disso. Uma delícia e acho que RuPaul faz duas vozes nessa música: uma mais RuPaul e outra mais Charles. Ótima forma de abrir o álbum.
Party Train também não desaponta. É mais acelerada e tem uma pegada pré-trance super academia. Música pra biluzinha se descabelar na esteira, meu amô. A Little Bit of Love (segundo e último single do álbum) continua nessa pegada, mas a produção é mais phyna e as backing vocals mais ahazzantes. Uma das minhas músicas favoritas da RuPaul e seria um sonho ver as drag dublando-a num episódio de "RuPaul's Drag Race"!

Snapshot foi o primeiro single lançado e até chegou a fazer sucesso mediano na época, mas acho tão... mas tão sem graça. É mais uma faixa dance com todo um clima outdated. Foxy Lady vem com uma pegada mais eletrônica, mas é pra lá de chata. A música a seguir, R. U Nasty, não ajuda a melhorar. R'n'b dos anos 90 que SUPER não empolga (e viria a ser bem presente na discografia da RuPaul). 
Após algo sem sentido como "R. U Nasty", vem Falling, uma baladinha que também soa deslocada no álbum. Aim, RuPaul... não precisava. De verdade. 
Felizmente, temos Dolores... que eu AMO! Aim, é só ter essa vibe latina que eu já fico toda cagada. Pablo Flores mandou beijos. RuPaul nunca escondeu sua devoção pela diva Diana Ross e Work that Body é um cover dela. Mais um dance bonitinho e despretensioso.

Celebrate é tão... mas tão travesty power que me espanta ter sido lançada apenas como promo. Merecia algo mais digno ou que seus remixes tivessem sido espalhados pelos outros dois singles, sei lá! Uma delícia de música viada! Por outro lado, Snatched for the Gods é mais do mesmo.
Por fim, o álbum fecha com If You Were a Woman and I Was a Man, um cover da Bonnie Tyler. Dance de qualidade também, meu amô. Uma delicinha (mesmo com os gritos "masculinos" da RuPaul). A edição japonesa do álbum veio com alguns remixes de "Snapshot"... ou seja... meu kool.

Apesar do fracasso comercial de "Foxy Lady", RuPaul lançou no ano seguinte o álbum natalino "Ho, Ho, Ho", que eu super irei ignorar. Felizmente, ele não é tão convencional como um álbum natalino geralmente é. A sonoridade é dançante e as letras das músicas mais tradicionais estão todas guêis. Temos algumas parcerias com a insuportável Michelle Visage (que acha que sabe cantar), mas o ponto alto acaba sendo o New Year's Remix de "Celebrate". Ou seja, não acrescentará nada à vida de ninguém.
Antes de darmos um salto no tempo, não posso esquecer de mencionar a deliciosa parceria com a musa Martha Wash na regravação de "It's Raining Men" (que também já apareceu por aqui séculos atrás). Enfim, essa música é um clássico gay, neám? 
Um álbum novo da RuPaul levaria "apenas" sete anos pra sair... E a espera não valeria a pena, tzá? Só pra avisar porque vai que vocês se empolgam aí.

A Little Bit of Love

Welcome's Original Album Version
Welcome's Extended Original Mix
Welcome's Sly Vocal Extended Mix
Welcome's Sly Vocal Edit
Hot Mix Version
Plastik Radio Edit
Edge Factor Dub
Moretta Electro-Funk Mix
Moretta Love Beats


Sou mais phemynyna que muita mulher:
"A Little Bit of Love" não fez aquele mega sucesso como os singles anteriores, mas isso não importa, porque a música é maravilhosa! Se jogue no Welcome's Original Album Version e saia dançando pela casa. Isso é dance de qualidade. O Welcome's Extended Original Mix é isso mesmo que o nome sugere, uma versão extended. Do jeito que a xente gosta. O Welcome's Sly Vocal Extended Mix é um pouco mais lento nas batidas e os vocais foram todos regravados. Interessante.
Lembra dos remixes baphônicos de "Love Don't Live Here Anymore", da Madonna, feitos pela dupla Markus Schulz e CL McSpadden? Naum!? Meu kool. O Hot Mix Version é deles também, mas não é tão legal como o remix da Madonna. O Plastik Radio Edit tem uma pegada mais eletrônica (pra época). O remix do Moretta a xente ignora. Pura porcaria. A música merecia mais remixes bons...

Maddyrain não tem, Maddyrain quer:
Xente, mas é mais difícil encontrar os remixes da RuPaul do que eu imaginava, viu?

welcome's radio edit  3:32
moretta electro-funk edit  4:13

hot mix radio edit  4:29
plastik vocal  7:44

0 Bilus felizes:

Alô?! Maddyrain chamando!

Você acaba de adentrar as entranhas do mundo de Maddyrain, uma profissional da "náiti guêi" de São Paulo que ama house music e decidiu fazer a boazinha e compartilhar parte de seu acervo musical.

Filhos da Maddyrain

Ocorreu um erro neste gadget

Maddyrain recomenda!

Arquivos da Maddyrain

Você é da caravana de onde?

Clientes:


Mais detalhes da clientela