A Cozinha Maravilhosa de Soraya Místika

_ Inhaim, amigays de casa! Tão tudo boa? Meus produtores tão decidindo explorar todas as facetas de minha linda pessoa e como eu também ahazzo na cozinha, vamos fazer esse piloto gastronômico e ver se eu emplaco! Isso mesmo! Vou ensinar vocês a cozinhar! Olha só que loucura! Não sei se faço a linha Nigella e simulo sexo com todos os ingredientes, ou faço a linha porca do Jamie Oliver e cozinho com as mãos cheias de terra... Ou quem sabe enfeitiço todos vocês com a minha beleza à la Rodrigo Hillbert? Quem é que nunca tocou suas partes íntimas enquanto o bunito prepara uma buchada?! Ou vocês preferem que eu faça a gaga Palmirinha, que qualquer dia bate as botas em rede nacional? Enfim, eu vou ser eu mesma e quero que vocês vão todos pra porra se não gostarem! Aim, é só jeito de falar, diretor. Calma! Meus telespectadores e leitores já tão acostumados... E pra me ajudar aqui na cozinha... como se eu precisasse de ajuda... chupinhei a ideia da Palmirinha e terei meu próprio mascote! Não é legal? Só que não... Vamos receber o Nequinha!
_ Oiê!
_ Aim, vamos começar mudando esse "oiê"! Detesto quem fala "oiê"!
_ E o que é que eu vou falar, porra?
_ Hmmm... gostei do "porra". Que tal "porra, cheguei"? Aim, vai ser engraçado! Agora sai e volta.
_ Porra, cheguei!
_ Aim, quem poderá ser!? É o Nequinha!
_ Oiê, vovó Soraya! Cheguei pra te ajudar!
_ ... 
_ Vovó Soraya? Tá tudo bem com a senhora?
_ Diretor, olha... não dá pra eu ficar com esse fantoche abusado aqui, não! "Vovó" Soraya?! Guegarai é isso!?
_ Titia Soraya, então?
_ Esse fantoche só pode... mas só pode estar brincando comigo, néam? Olha, meu amô, você tá brincando com fogo! Eu rogo-lhe uma praga africana... Ah, eu já sei o que tá pegando aqui! Você tá puto porque coloquei teu nome como "Nequinha", néam!? Já saquei!
_ Você nem viu pra tirar suas conclusões...
_ Eu lá tenho cara de que fica vendo neca de fantoche!? Oi, diretor... Ah! E eu aqui achando que fantoches andavam por aí sozinhos movidos por algum feitiço mágico da Disney! Vamos, eu quero saber quem é que te comanda, Nequinha! Mostre-se para mim! Eu estou preparada! Tenho aqui comigo um copo americano d'água que você poderá benzer também se quiser!
_ Mas eu posso aparecer pras câmeras, Soraya? Não vai quebrar a mágica da coisa?
_ Que mágica, meu amô? Isso aqui é culinária! Culinária não é mágica, é alquimia. Uma bilu que segura um fantoche não consegue desfazer alquimia! Levanta-te! Gente! Que adorável surpresa! Tão vendo aí em casa, amigays?! Qual seu nome, gato?
_ Adorinal. Cheguei faz um mês do Amapá.
_ Amore, ninguém tá interessado na sua história com esse corpinho delícia. E mostra tua neca pra xente ver se condiz com resto do corpo! Diretor, precisamos mudar duas coisas a partir do próximo programa: primeiro, o teu nome. Adorinal não é nome de gente... e tô consultando aqui minha enciclopédia mística, não é nome de nenhuma entidade paranormal também. Segunda coisa, precisamos de outra pessoa pra fazer o Nequinha, porque esse aqui tá mais pra Necona! Eu vou pro camarim com o nosso amigo Adorinal e volto mais tarde, okay? A receita? Aim, meu kool pra vocês! Façam um miojo hoje e tudo fica bom! Um beijo e até a próxima "A Cozinha Maravilhosa da Ofé..." opa! Olha o processo a caminho! De Soraya Místika!

Turn the Beat Around

Single Version
12" Remix
7" Remix
Def Classic Mix
Def Radio Mix
Def Conga Mix
Def Tragic Mix
Def Drums
Turn the Bass Around Mix
Damien's Radio Edit
Damien's Fountainbleau Mix
Damien's Super Jazz Mix


Depilei as axilas. Quer ver?
Xente, hoje é dia de você ahazzar na sua latinidade! "Turn the Beat Around" foi lançada nos anos 70 e é um disco music que ahazza! Gloria Estefan, muito esperta, decidiu regravar a música sem fazer mudanças gritantes na sua versão. Se joguem na Single Version e saiam balançando os têtês pela casa! O 12" Remix do Pablo Flores não é muito diferente (é capaz que ele tenha produzido a original, não sei...), mas tem todo um trecho instrumental que dá um show nos tribais latinos. Uma loucura!
Os remixes do David Morales são uma delícia! Todos trabalhados no vocal regravado! Se joga no Def Classic Mix, que é justamente isso que o nome sugere. Um classic house tribal divino! O Def Conga Mix é uma espécie de dub dubabadu. 
Por fim, temos o Turn the Bass Around Mix, do Phillip Damien, que eu realmente não saberia como classificar. Um dance meio despirocado? Um pouco cansativo. O Damien's Super Jazz Mix é bem interessante, mas com a qualidade meio cagada. Como é promocional, não reclame!

1 Bilus felizes:

Anônimo disse...

MOR-TA!
Que semana prolífica, essa. Agora sim vou ler.

Beijos da Bilu Demanding.

Alô?! Maddyrain chamando!

Você acaba de adentrar as entranhas do mundo de Maddyrain, uma profissional da "náiti guêi" de São Paulo que ama house music e decidiu fazer a boazinha e compartilhar parte de seu acervo musical.

Filhos da Maddyrain

Ocorreu um erro neste gadget

Maddyrain recomenda!

Arquivos da Maddyrain

Você é da caravana de onde?

Clientes:


Mais detalhes da clientela