A cereja do bolo

_ Amores, tá na hora da xente se montar. Me ajuda a subir as escadas, Kilo.
_ Maddie, a senhora não acha que bebeu e cheirou demais, não? Você não tá nem conseguinu subir as escadas sozinhas! Nem o degrau da cozinha pro jardim a senhora conseguiu subir!
_ Eu tô boa! Tô colocada, mas boa.
_ E eu tô com inveja! Quero me colocar também! Kilo Minhoca, cadê aquela seringa? Quero vodka no meu rabo hoje! - Litta Walitta é sempre a mais hardcore.
_ E eu!? Vou ficar cuidanu de vocês duas?! Eu também sou filha de Madonna!

Chegamos no quarto de Roxxana Veludo e eu decidi que queria vomitar na cama da bunita. Chamei o Hugo e ele veio correndo. A coberta Trousseau ganhou toda uma estampa nova. Vómito é que nem bocejo: você vê alguém bocejando na rua e já quer bocejar também. Eu e as meninas fizemos uma reunião de Hugos no quarto de Roxxana Veludo.
Ligamos o iPad de Roxxana Veludo e escolhi deixar tocando Beautiful People da Barbara Tucker enquanto a xente se montava. Acho que a vida devia ser assim... só classic house de qualidade tocando de fundo pra ilustrar nosso dia-a-dia. Kilo Minhoca decidiu fazer uma homenagem à alguma estrela de cinema alemão dos anos 20 e colocou uma piruka chanel preta e um modelito super agente da S.S. na Segunda Guerra. Litta Walitta decidiu fazer a Lady GaGa das Fast Shop e colocou duas caixas de som da Apple na cabeça. Eu fui mais clássica. Peguei uma piruka loira meio Saruman e uma fantasia de enfermeira by Tom Ford.

_ Xente, é nessa gaveta que a Roxxana Veludo esconde o padê de origem secreta e alienígena dela! Quem vai querer?!
_ Eu! Eu!
_ Eu primeira! Me first!
_ Calma, meus amores! Tem pra todo mundo!

Decidimos descer pra beber mais um pouco. Eu desci rolando, numa coisa... assim... super cena de novela das oito. Acho válido acordar no dia seguinte de um mega porre cheia de hematomas sem saber muito bem o que aconteceu. Acho válido & pós-contemporâneo. Fomos pro bar da mansão e sentamos como donzelas nos bancos altos.

_ Xente, eu acho que vou cair daqui! Vou ficar de pé. Aim, acho que até de pé vou cair. Vou me apoiar no móvel.
_ Maddie, cuidado com a cristaleira da patroa Roxxana!
_ Xente, quanta coisa de vidro brilhante! - tirei o salto alto e meti o salto no vidro da cristaleira. Me senti a Vanessão dando na moto dele - Meu kool pra tudo isso! Ela ficou ryka às minhas custas!
_ Para, Maddyrain! Os vizinhos vão ouvir os cristais quebrando e vão chamar a polícia!
_ E eu não quero passar a noite na cadeia! Quero sair pra dançar!
_ Não tem mais bebida nesta casa! Esqueceram que levamos tudo pra sua casa!
_ Claro que tem, bichas burras. Acharam que eu não ia guardar um pouco pra ocasiões de emergência? - Litta Walitta se ajoelhou e abriu uma porta obscura do bar e tirou uma garrafa de tequila de dentro.
_ Ai, tequila! Que delícia!
_ Aim, tequila sempre me faz passar mal...
_ Bom, você não tem como passar pior do que está, então não tem perigo!

Pegou três copinhos que haviam se salvado da minha fúria de titã e encheu cada um com a tequila. Não tem limão nem sal por aqui, então vamos virar puro mesmo! Eu sempre que achei que a graça toda da tequila fosse justamente o sal com limão, mas bêbado lá tem direito a certos luxos? Virei tudo, joguei a cabeça pra trás e cai numa pose super ginasta olímpica. Me senti a diva Diego Hypólito.

_ Kilo, ajuda a bicha! Ela vai acabar quebrando o pescoço!
_ Ai, que horror! Eu não quero passar a noite no hospital! Quero sair pra dançar!
_ Eu tô boa! Tô boa! Só cai um pouco. Me dá mais tequila. - Litta Walitta encheu novamente os três copinhos e viramos tudo. Kilo Minhoca fez cara de nojo e gorfou. Litta Walitta, mais acostumada, lambeu os beiços. Eu desmaiei.
_ Ai, que horror! Matamos Maddyrain! Agora vamos passar a noite no velório dela! Eu não quero! Quero sair pra dançar!
_ Você já falou, bicha respeititiva.... repetitona... repiti... que repete muito!
_ Eu tô boa! Já levantei! Olha só! - levantei e cai de novo.
_ Maddyrain, você não tá em condições de sair assim!
_ Viu só!? Agora vamos ter que ficar cuidanu de você! Eu quero sair pra...
_ Pra dançar! A gente já sabe! - me carregaram pro banheiro.
_ Vocês tão me levando prum gang-bang, néam? Aim, que gostoso! Vou dar até o kool fazer bico! Mas vocês são tudo passiva! É gang-bang de passivas?! Quem vai me comer! Quem vai comer a xente, Brazyl!?
_ Para de gritar! A gente vai te levar pro banheiro! Você vai tomar banho de água fria!
_ Que mané banho de água fria!? Eu quero um banho de banheira bem quente. Mas bem quente mesmo. Vai lá embaixo. Vai lá embaixo e chama o Eugênio pra mim. Vai lá embaixo.
_ Gente.... ela surtou... o que que ela tá falanu?
_ Não faço a menor ideia. Tampa a boca dela.

Me jogaram dentro do box do banheiro de hóspedes e ligaram a água na temperatura "mata vinhado bêbado". Nunca fui tão mal tratada na minha vida. Chorei, esperneei e implorei pra não verem minhas partes íntimas, mas não fui escutada. Arrancaram minha roupa novinha e elzada. Tentei fazer uma bucetinha, colocar a neca pra trás, mas não consegui. Tava tão loka do meu kool que não sabia se minha neca muchinha ficava na frente ou atrás. Pedi desculpas e vomitei nelas. Acho que não aceitaram meus pedidos de trégua. Incrível a capacidade do vómito de acabar com as relações humanas! Olhei pra cima e via os blocos de gelo disfarçados de água caindo em cima de mim e tive um momento de lucidez. Pensei no que havia transformado minha vida nos últimos meses. O que eu tinha feito pra de fato acabar com a vida de Roxxana Veludo? Nada! Eu sei atirar pra matar. Já matei muita xente no Modern Warfare... Vou matar Roxxana Veludo!

Fechei os olhos e só acordei no dia seguinte com o peso de mil elefantes na cabeça. Fiquei mega decepcionada com Litta Walitta. A bunita é hipocondríaca e nem pra me dar um remédio contra ressaca a vinhada foi capaz! Vai tomar no edy! Olhei pro lado e encontrei ela e Kilo Minhoca dormindo abraçadas na poltrona, maquiagem ressecada na cara. Certas amizades são pra sempre.

Um beijo,
Maddyrain

Beautiful People

Original Club Mix
The Underground Network Mix
The Underground Edit
Beautiful Reprise
C.J.'s Club Mix
C.J.'s Vocal Radio Edit
C.J.'s Dub
The Commission Mix
Mood II Swing Dub

Deep, deep inside...

Chupa meu edy bunitinhu:
Aim, fazia tempo que eu tava loka pra postar "Beautiful People" pra vocês, meus amores! Eu simplesmente ADÓGO essa música e acho a voz da Barbara Tucker uma das mais bonitas entre as divas club! Puro looshu!
Os Masters at Work produziram a versão original e fizeram o ótemo The Underground Network Mix! Isso aqui é classic house de qualidade, meu amô! Os remixes do C.J. Mackintosh também seguem essa linha house, então se joguem no C.J.'s Club Mix. Eu prefiro o remix dos MAW. Por fim, um coisa mais dubística pras amigas de plantão. Se joguem com fé no ÓTEMO Mood II Swing Dub! Puro glamour house noventista! Atóron...

0 Bilus felizes:

Alô?! Maddyrain chamando!

Você acaba de adentrar as entranhas do mundo de Maddyrain, uma profissional da "náiti guêi" de São Paulo que ama house music e decidiu fazer a boazinha e compartilhar parte de seu acervo musical.

Filhos da Maddyrain

Ocorreu um erro neste gadget

Maddyrain recomenda!

Arquivos da Maddyrain

Você é da caravana de onde?

Clientes:


Mais detalhes da clientela