A ascensão de Roxxana Veludo

_ CONSEGUI!!!!! CARALHADA! EU CONSEGUI!! - eu, Kilo Minhoca e Litta Walitta estávamos na cozinha da mansão de Roxxana Veludo tomando nosso chá da tarde e assistindo Sonia Abrão quando a bunita começou a berrar do escritório.
_ Xente, o que ela conseguiu? Virar mulher?
_ Acho que conseguiu um pouco de dignidade.
_ Aim, certas coisas são inconseguíveis, meu amô. Vai por mim.
_ ALEJANDRO!! ALEJANDRO, VENHA AQUI!
_ Xente, e como grita! Kilo, vai no meu lugar e diz que eu tô ocupada com meu chá?
_ Ai, que horror! Por que tem que sobrar pra mim? Eu também tô tomanu meu chá da tarde. Litta, vai a senhora.
_ Meu kool! Tô tomando meu chá com vocês duas, não percebeu? Suellen Regina? SUELLEN REGINA! Sai dessa despensa! Olha que horror! Sai com a boca toda cheia de bolacha! Que é isso?
_ Fernando, você não viu na TV? Tão falando que o tsunami do Japão vai acertar o Brasil! Já pensou? Eu preciso estocar comida pros tempos difíceis que estão por vir!
_ Ai, que horror! Será verdade? Também vou levar umas "creme crackers" hoje!
_ Que tsunami o que?! Aqui é o Morumbi, bicha! Você acha que essas coisas da natureza atingem os ricos? São só os pobres mesmo!
_ ALEJANDRO! GARAI, COMO É DEMORADO! APOSTO QUE TÁ CAGANDO!
_ Amô, então eu já vou. Coloca meu chá no microondas. - fui até o escritório de Roxxana Veludo com a velocidade da tartaruga velocista. Meu kool! Ela já jogou a dika. Vou falar que tô com caganeira. Assumi minha cara de bicha nojenta britânica e abri a porta. - Pois não, Patroa Roxxana?
_ Alejandro! Até que enfim! Adivinhe quem é a nova propetária da Ilha do Bororé?! Adivinha só!? É alguém bunita, glamourosa e cheirosa. Quem é a nova dona da Ilha do Bororé, garai! Me fala!
_ Hmmm... o Kassab?
_ Alejandro, seu humor ácido me lembra alguém que eu acho que tá morta. Bom, é bom que esteja morta mesmo. Alejandro, aproveita que você tá aqui e vá dizer pro Fernando separar minha melhor champagne! Quero celebrar com estilo minha conquista!

Sai do escritório sem poder deixar de trocar um olhar "te mato... amanhã... neste mesmo horário... neste mesmo bat-canal" pro Fabinho das Bananas. Todo playboy com sua pólo da Tommy. Cheguei na cozinha e as bunitas tavam misturando vodka com o chá. Suellen Regina participava da invenção gastronômica com entusiasmo.

_ Eu vi na TV! Num programa da tarde. No Mulheres, eu acho! Dizem que é a última moda no Paquistão!
_ Volta pra despensa, insolente! Vai, ratinha!
_ Ai, Maddy. Como a senhora é má com a menina. Ela só assiste muito TV. É boa pessoa.
_ Meu kool com passas pra ela. Litta, cadê aquela Sidra Cereser que você comprou pra emergências? Roxxana Veludo vai comemorar sua conquista com Sidra Cereser, pra deixar de ser besta!
_ Maddyrain, SÓ tem Sidra Cereser aqui! Esqueceu que a xente levou as champagnes importadas pra casa! E vodka, é só Balalaika. Pra não dizer que não nada bom, guardo essa garafa de Absolut escondida só pra gente.
_ Balalaika! Aim... como será que tão as freirinhas? Enfim... deixa eu levar a "champagne" pra bunita.

Voltei ao escritório e servi a sidra pra Roxxana Veludo, Fabinho das Bananas e Pigmaleão. Aim, nunca quis tanto ter um daqueles anéis cheios de veneno, sabe? Aquela coisa bem bruxa da Sessão da Tarde.

_ Você vai brindar com a xente, Alejandro! Isso aqui é champagne importada! Coisa de xente importante! Um dia, você será importante. Tem que trabalhar muito. Tem que batalhar, como eu batalhei!
_ Obrigado, patroa. Não bebo Sid... não bebo no serviço.

Sai do escritório e não pude deixar de pensar que o que os olhos não veem, o estômago não sente. Encheram a boca com Sidra Cereser achando que tavam tomando Chandon. Aim, quantas vezes já não fizeram isso comigo na buatchi! Me vê uma dose de Absolut? e enchem meu copo com alguma vodka barata com nome de russa sensual... Aqui se faz, aqui se paga!

Um beijo,
Maddyrain

Bodyrock

Radio Edit 1
Radio Edit 2
Dean Honer Mix
B&H's Bodyrob Mix
Hybrid's Bodyshock Remix
Olav Basoski's da Hot Funk da Freak Funk Remix
Olav Basoski's da Hot Funk da Freak Funk Remix Radio Edit 1
Olav Basoski's da Hot Funk da Freak Funk Remix Radio Edit 2
Rae & Christian Remix
Dani Konig Remix

Gonna make you freak...

Chupa meu edy, que eu tô elétrica:
Nossa, quanto tempo que não aparece o Moby por aqui, néam?! Mais de um ano! Que loucura! E olha que eu atóron o moço, viu? Bom, a música de hoje não é uma das minhas favoritas, mas é ótema pra bater o cabelo que nem hétera! Se você nunca ouviu Bodyrock, se joga em qualquer um Radio Edit e se acaba! Se gostar, pega também o B&H's Bodyrob Mix, que é bem parecido, mas com umas batidas mais pesadas. Pra algo mais dancefloor e com a cara do começo dos anos 2000, se joga no Olav Basoski's da Hot Funk da Freak Funk Remix! Uma coisa... assim... super nostálgica!

O Rae & Christian Remix segue uma linha mais "calma-lá-minha-filha" que é uma delícia pra deixar tocando enquanto você toma banho. Super lounge feelings. O Dani Konig Remix também tem uma pegada lounge de buatchi phyna que muito me agrada. Recomendado!

0 Bilus felizes:

Alô?! Maddyrain chamando!

Você acaba de adentrar as entranhas do mundo de Maddyrain, uma profissional da "náiti guêi" de São Paulo que ama house music e decidiu fazer a boazinha e compartilhar parte de seu acervo musical.

Filhos da Maddyrain

Ocorreu um erro neste gadget

Maddyrain recomenda!

Arquivos da Maddyrain

Você é da caravana de onde?

Clientes:


Mais detalhes da clientela