Guia Prático da Diva do Transporte Público

Hoje em dia, se você depende só da Internet ou da buatchi pra arranjar um bophy fazible pra acalmar o seu constante fogo no rabo, minha filha, você tá ferrada! A buatchi tá cada vez mais repleta de bilu que só quer ser objeto de fetiche alheio e a Internet só tem xente esquisita (vide quem lhe escreve). O que fazer? Se joga no transporte público, meu amô! Pra você se tornar uma diva completa da lotação, Maddyrain vai te ajudar!

GUIA PRÁTICO DA DIVA DO TRANSPORTE PÚBLICO
VOLUME I
BY MADDYRAIN

Meu amô, se você mora no interior do interior e transporte público é sinônimo de charrete, o guia de hoje vai servir de fonte de inspiração pra você sair dessa vida pacata e bucólica e se jogar na cidade grande. Agora, se você tá cansada de tomar ônibus, metrô, balsa, trem e lotação durante a semana, pra não complicar sua vida, no Volume I eu irei tratar apenas do ônibus. Sei que as fascinadas pelo encoxamente no metrô vão ficar lokas do kool, mas aguardem porque eu ainda falarei dele no futuro. Se você se considera a última Coca-Cola Diet do deserto e acha que andar de ônibus ou metrô é coisa de xente uó, tadinha de você que tá aí perdendo a oportunidade de arrebitar esse kool de passarinho trancada dentro do carro.

Eu sei que andar de ônibus é um porre, principalmente quando a linha é repleta da completa ausência de desodorante e você fica duas horas em pé, se agarrando em algo que você desejaria que fosse uma neca, mas tá longe disso. Mas nem todo dia é um desespero, néam? Sempre tem alguém que é fazible, por pior que sejam as opções. Você tá lá, parada no ponto, posição de bilu que não quer dar pinta e repara no bophynho. A primeira dica de hoje é fundamental: NUNCA, JAMAIS puxe assunto com alguém pra conversar sobre linhas de ônibus. NUNCA chegue em alguém pra falar:

_ Aim, o 7865-C tá sempre atrasado, néam? Você toma qual? O 6859-D ou o 5858-meukool?

Tem coisa mais pobre do que saber número da linha de ônibus de cor?! Se você pega o mesmo ônibus todo santo dia, faça um esforço contínuo para não olhar na numeração. É tão glam parar o ônibus apenas pra perguntar se ele passa em tal rua ou avenida. Outra coisa uó de tudo é se encantar pelo motorista de ônibus e ficar empoleirada na frente do ônibus puxando papo. Amore, algumas profissões escolhem a dedo os profissionais e você pode ter certeza que os motoristas de ônibus são escolhidos com o dedo do kool. Eu juro que nunca vi motorista fazible nesta minha vida proletária, mas já vi alguns cobradores que até dava pra perder alguns minutos de puro prazer seguido do mais puro arrependimento, mas aqui vai o conselho de amiga preocupada com seu bem-estar: é mais interessante procurar alguém do lado de lá da catraca.

Nesta cidade prestes a parar conhecida como São Paulo, ir sentada no ônibus é uma dádiva que só ocorre com quem sobe no dito cujo junto com o motorista. Se você viajar sentado, talvez a diversão seja mais difícil, néam? A não ser, claro, que o bophy sente ao seu lado. Se isso acontecer, meu amô, você já conhece todas as técnicas de sedução é forçação de sexo gratuito, néam? Deixa a mão escorregar, deixa a neca dura e bem a mostra... enfim... essas coisas. Se quem sentar ao seu lado for uma mistura que deu errado entre cruz-credo com algum demônio, vira pro lado e dorme. Não se esqueça de manter a bolsa bem presa ao corpo. Xente feia tem a péssima mania de dar a elza em tudo.

Ficar de pé durante a viagem é uó elevado à nona potência, mas pode ser digno se o seu edy estiver piscando mais que farol descontrolado. O babadu é ficar no meio do ônibus, colocar a mochila pra frente ou jogar em cima de alguém que tá sentado e arrebitar a bunda na melhor posição Mulher Melância possível. Sempre tem algum "homi" que vai passar e "esbarrar" na sua bundinha. Esse lance de ficar de pé, dura que nem tábua, olhando para todo boy fazible com olhar de "sou virgem, use KY" é muito demorado. Lembre-se que ônibus é lugar de hetero. Já percebeu como o ônibus tem toda essa energia hétera? Então, meu amô, vamos começar a desconverter o maior número possível. Arranjar namorado no ônibus é super bonitinho, mas é tão contos de fada, néam? A vida real é mais hardcore.
Não sei e NÃO quero saber como são os ônibus de fora de São Paulo Capital, porque meu kool, néam? Era só o que me faltava me especializar em ônibus do Brasil depois de velha. Mas procure as linhas que vão para universidades. SEMPRE tem bophynho aquendável! E nada é mais gostoso do que se esfregar no bophynho que você sabe que tá tomando o ônibus pra encontrar a namorada tolinha, néam? Ele já chega na baranga com o calor de outro corpo masculino. Atóron!

Agora algumas dicas de comportamento no ônibus. Assim, eu confesso que acho válido ahazzar na malditagem no ônibus. O que você faz quanto tá sentado todo confortável e chega aquela velha com ares de "sou velha, exijo respeito" ou uma grávida? Amore, eu fecho o olho e até finjo que tô roncando. Sempre funciona! Outra coisa que eu também nunca faço é me oferecer pra carregar as coisas de quem tá de pé. Meu amô, quando você tá lá, toda pintosa de pé com a bolsinha de maquiagem e artigos de trabalho nas mãos, quem é que se oferece pra segurar suas coisas? Ninguém, néam? Entaum... Aqui se faz, aqui se paga! Nesta mesma linha de ônibus!

Outra coisa SUPER importante, não banque o mano brown fora de contexto e não passe a chamar o nosso kérido amigo ônibus de busão, porque nada é mais brochante do que uma bilu phemynyna de tudo falando busão. Uó! Por fim, meu amô, NUNCA... JAMAIS dê excessos de biluzice e coloque seu lindo MP3 player no último volume sem os fones de ouvido. Não obrigue as pessoas a ouvir o que você gosta. Isso é a coisa mais desagradável e inconveniente do mundo. Eu sei que sempre tem um pé-rapado que te obriga a ouvir o forró que ele atóra, mas você não precisa enfiar o seu bate cabelo na goela do povo. Fica sentada ouvindo Crush da Jennifer Paige bem phêmea no fone de ouvido, mas num volume suportável, néam? Também acho uó quando quem quer ficar surdo decide levar os outros no processo...

Um beijo e bom rebolation no ônibus!
Maddyrain

Crush

Instrumental
Extended Club Mix (low quality...)
Strobe's Deeply Crushed Mix
Dance Mix
David Morales Club Mix
David Morales Club Mix No Strings
David Morales Alt. Club Body
David Morales Radio Alt. Intro
David Morales Intro Piece
David Morales MoMo's Revenge Mix
David Morales La Crush Dub
Tiefschwarz Hollywood Extended Version
Tiefschwarz Hollywood Deep Mix (thanx to Manutek!)
Tiefschwarz Radio Edit
Klippa Remix Full Vocal
Chris Rockford Remix
Chris Rockford Club Mix
Chris Rockford Edit
Chris Rockford & DJ CrEdo Remix
Chris Rockford & DJ CrEdo Edit
Marc Reeve Remix
Max Farenthide Remix
Mike MD's Pop-Matic-Mix
Giorgio Sainz Remix
Taurus & Vaggeli Mix

Not like I faint everytime we touch...

Chupa meu edy de mocinha:
Aim, xente, Crush é o one hit wonder TOTAL e ABSOLUTO. Quando eu penso em one hit wonder, me vem à cabeça Crush da Jennifer Paige (Jennifer who?). Aliás, durante anos achei que era a Mariah que cantava essa música. Aim, a vida era tão cheia de falsos conceitos antes da Internet... Bom, Crush é uma baladinha super teen tolinha, mas que virou hit nas mãos do "God on Earth" David Morales. Se joguem com muita purpurina no ÓTEMO David Morales Club Mix. A versão que tocava na rádio e tornou essa música conhecida era o David Morales Radio Alt. Intro. Maravilhoso! Também acho válido a xente se jogar no David Morales La Crush Dub. Embora o Morales não seja famoso por dubs ahazzantes, esse é bem digno, com um piano house que me deixa toda arrepiada!

Outra versão que tocava no rádio era o Dance Mix do DJ Strobe. Uma gracinha, mas bem parecido com o remix do Morales. Se joga também na versão maior, o Strobe's Deeply Crushed Mix. Uma graça. Pras amantes do soulful house, temos a fase em que o Tiefschwarz ahazza no housezinho de qualidade duvidosa. O Tiefschwarz Hollywood Extended Version é bonitinho com todo um clima praia e sol. Podem pegar. Em pensar que eles se tornariam aquela chatice electro sem sentido...

Como todo one hit wonder, Crush foi relançada recentemente com novos (e dispensáveis) remixes. Nenhum se compara ao ahazzo do David Morales, mas enfim. O Chris Rockford Club Mix é bem moderninho e gostoso pra dancefloor. Os outros remixes não fogem muito do esquema "pegue a versão original e coloque batidas electro em cima". Meu kool GERAL! O pior é que eu sei que tem um monte de xente que gosta assim mesmo, néam?

Maddyrain não tem, Maddyrain quer:
Xente, dessa vez eu me superei e consegui encontrar um monte de versão rara sozinha, mas algumas ficaram faltando, que vou fazer? Não sei se os remixes do David Morales são diferentes dos que eu já tenho, mas enfim...

dance instrumental 3:24
crushapella 3:26
david morales classic club mix 7:10
david morales radio mix 3:40
clubmix by klippa 3:41

0 Bilus felizes:

Alô?! Maddyrain chamando!

Você acaba de adentrar as entranhas do mundo de Maddyrain, uma profissional da "náiti guêi" de São Paulo que ama house music e decidiu fazer a boazinha e compartilhar parte de seu acervo musical.

Filhos da Maddyrain

Ocorreu um erro neste gadget

Maddyrain recomenda!

Arquivos da Maddyrain

Você é da caravana de onde?

Clientes:


Mais detalhes da clientela