A triste história da Professorinha Lu

Maddyrain ainda não conseguia acreditar que as Glamourosas X-Travas eram lideradas por um par de peitos de silicone boiando num pote transparente. Xente! Tá na hora de parar com o padê! Peitos não falam! Peitos não falam! Peitos não falam!

_ Você não vai falar nada, Maddyrain?
_ Ai! Peitos falam! Peitos falam! Peitos falam!
_ Sou mais do que um par de silicone, Maddyrain.
_ Xente, eu já vi de tudo nesta vida loka, mas isso foi longe demais! Como é que dois peitinhos aprenderam a falar?
_ Eu já fui uma travesti de respeito. Eu era coreógrafa e professora de jazz contemporâneo em Nova York e trabalhei com a Janet Jackson depois que a Paula Abdul pediu as contas.
_ Você é o peito da Janet Jackson!?
_ Não!
_ Aim, que pena... O único peito que fala comigo é o peito de uma trava qualquer?
_ Eu era muito bonita, praticamente uma mulher. O único problema era a minha neca. Era muito grande.
_ Hm, meu departamento então. "Muito grande" quanto?
_ Era monstruosa, Maddyrain. Meu apelido durante a infância inteira foi Jumento.
_ Aim, porque os mais cacetudos são passivos ou travestis?! A vida não podia ser mais cruel!
_ Eu era muito infeliz e desenvolvi uma fixação incontrolável por meus peitos. No começo, eu só queria ter os maiores peitos do meu bairro. Depois, minha meta era ser a mais peituda dos Estados Unidos e chegar até o Guinness como a travesti mais peituda do mundo. Só que eu não ganhava muito dinheiro com a Janet Jackson e minhas aulas. Por eu ser latina, eu ganhava um terço do salário comum dos americanos. A única latina que ganha dinheiro nos Estados Unidos é a Jennifer Lopez.
_ Também, néam? Com aquela bunda... Imagina quanta xente ela já não engoliu numa sentada!
_ Certa vez, fui pedir um adiantamento pruma cirurgia com a Janet. Ela falou que tava passando por um momento ruim na sua carreira. O Justin tinha mostrado os peitinhos dela em rede nacional e o povo não gostou nada das tetinhas dela. O máximo que poderia fazer era me indicar pruma cirurgiã de celebridades que cobrava pouco e parcelava tudo em 72 suaves prestações.
_ Aim, vinhado atóram uma prestação.
_ Cheguei no consultório e fiquei espantada. A médica era a Jody Watley, uma cantora famosa nos anos 80. Eu tinha feito muita aula de aeróbica ao som dela. Ela falou que também passava por tempos difíceis e precisava de dinheiro. Tinha comprado um livro de cirurgia plástica no Ebay e decidiu abrir uma clínica pra celebridades no fundo do poço.
_ Xente, então é pra lá que eu vou quando sair daqui!
_ Só que tudo deu errado e...
_ Não vou mais!
_ Tudo deu errado durante a cirurgia. A conta de luz não tava paga e cortaram a energia enquanto Jody Watley colocava mais silicone nos meus peitos. Morri ali mesmo, mas minha consciência foi toda transferida pro primeiro par de silicone que eu coloquei.
_ Aim, que história triste, Professorinha Lu! Ainda bem que eu sempre tive muito dinheiro pras minhas cirurgias.
_ Decidi então voltar pro Brasil num contrabando de próteses de silicone e formar um grupo de travestis especiais como eu.
_ E qual é o seu poder? Soltar leitinho pela tetinha?
_ Não! Consigo ler mentes.
_ ...
_ Eu estou lendo o que você tá pensando.
_ Aim, que uó! Privacidade passou longe, néam?
_ Agora vá pro seu quarto e, por favor, não comente com nada que você descobriu quem eu sou. Posso confiar em você?
_ Craro, amore! Minha boca é de boqueteira, mas sabe guardar segredo.

Maddyrain chegou na sala de TV do esconderijo das X-Travas e encontrou Saco de Purpurina batendo punheta enquanto assistia "O Melhor do Brasil" com Rodrigo Faro.

_ Gata! Você não sabe...

I Want Your Love

Danny Krivit's Original Re-Edit
Morgan Page Sunset Strip Mix
Shawn Q's Soltribe Mix
Zoned Out's Vintage Vox Mix
Wideboys Club Mix
Wideboys Miami Mix
SoulCast Icon Mix
SoulCast Icon UK Radio Mix
Masi & Mello Late Nite Vocal
Angel Manuel's Dirty Vox Mix
Thomas Gold Remix
Chindigital House Party Mix
Christian Paduraru Electrotek Dub

I think of you and I dream of you all of the time...

Chupa meu edy que é chique:
Xente, finalmente a estreia da Jody Watley por aqui! Olha, eu nem sei como comecei a cavocar coisas da bunita, viu? Acho que foi quando ela lançou um cover de Borderline, aí eu gostei e fui atrás. A moça parece que já fez muito sucesso nos Estados Unidos durante os anos 80; depois, nos anos 90, ficou mais apagada e virou diva guêi underground. Eu acho a voz dela super sensual. Borderline na voz da bunita está nos meus planos, então aguardem. Hoje é dia de outro cover, I Want Your Love, do Chic. O Danny Krivit's Original Re-Edit tem toda uma pegadinha old skool e lounge que me deixa super úmida. Lindo e muito gostoso. É o remix que eu mais gosto desse pacote.

Eu acho válido um prêmio "NECA GOSTOSA" pra I Want Your Love. Um monte de xente quis pegar nessa música! Que loucura! Os Wideboys, mais conhecidos das bilus, fizeram dois remixes diferentes. O Wideboys Club Mix é bem club, com umas batidas "wannabe electro quando eu crescer". Se você, como eu, acha o electro super desnecessário, se joga com muita fé no Wideboys Miami Mix. Super club também, mas mais glam e gostoso. Recomendado! O SoulCast Icon Mix também segue a mesma linha diva pintosa da dancefloor. Um ahazzo!

Os outros remixes vão todos pelo mesmo caminho. Embora não sejam parecidos entre si, não fogem muito do padrão. Eu quero CLASSIC HOUSE nessa budega, meu amô! O Morgan Page Sunset Strip Mix tem um instrumental super gostoso, mas eu acho que ia gostar mais se ele tivesse feito algo mais "sunset", sabe? Uma coisa... assim... mais Ibiza. Ou Praia Grande, pras mais necessitadas. O Shawn Q's Soltribe Mix é um tribalzinho super gostosinho, mas nada quebrador de pescoços. Outro que eu também acho fofolete e digno é o Zoned Out's Vintage Vox Mix, mas não sei onde ficou o conceito "vintage" do remix. Talvez nas batidinhas que ele usou? Sei lá... podia ter feito algo mais old skool também.

Por fim, temos algo mais underground pras biluzinhas que se jogam no after hours completamente colocadas. O Masi & Mello Late Nite Vocal não é extremamente arrombante de edys, mas deve ficar um ahazzo às 7 da manhã, com todo muito pra lá de Bagdá. Pra quem quiser um pouco mais de club diva, se joga no Thomas Gold Remix. Os outros remixes são legais, mas enfim... nada que mude o meu dia.

0 Bilus felizes:

Alô?! Maddyrain chamando!

Você acaba de adentrar as entranhas do mundo de Maddyrain, uma profissional da "náiti guêi" de São Paulo que ama house music e decidiu fazer a boazinha e compartilhar parte de seu acervo musical.

Filhos da Maddyrain

Ocorreu um erro neste gadget

Maddyrain recomenda!

Arquivos da Maddyrain

Você é da caravana de onde?

Clientes:


Mais detalhes da clientela