Por uma vida menos ordinária

Peguei um óculos escuro super Ray-Ban no estilo tiozão querendo pagar de gostoso, achei um maillot (maiô, pras bilus menos versadas) que eu JURO não querer saber a origem desconhecida, enchi os peitinhos de meias enroladas e fui toda glamourosa tomar sol no pátio interno do convento. Bate um sol tão gostoso lá! Então, lá estava eu, no meio das calcinhas das outras freiras penduradas no varal, tomando sol e lendo uma edição de 1998 da Caras. Como a xente é vizinha do mosteiro de São Bento, fiquei toda loka do meu kool quando os noviços começaram a vir espiar eu toda semi-nua na glória do meu ser. Madre Absolute apareceu na janela de seu escritório e gritou:

_ Irmã Pirassununga! O que é isso?!
_ Inhaím, Madre? Eu tô tomando sol. Preciso bronzear. Tô muito branca.
_ Sai daí, Irmã! Olha os noviços te desejando! Sai daí, tentação! Vem cá!
_ Por Diana Ross! Não se pode nem mais ser phemynyna ao sol! Um beijo, meus amores. - dei tchauzinho pra plateia do outro lado do muro, coloquei a Caras debaixo do braço e fui até o escritório da Madre Absolute batento as Havaianas pelos corredores.
_ Irmã Pirassununga, quando você se propos a fazer parte de nosso convento, acreditei que você deixaria para trás a sua vida desenfreada.
_ Mas eu deixei, néam? Não faço séquiso nem lembro desde quando! Só tô na punh... siririca.
_ Jesuis! Por favor, olhe o palavreado enquanto estiver no convento. Irmã Pirassununga, todas as irmãs do convento possuem algum tipo de ocupação para os seus dias. Afinal, não podemos viver de orações apenas.
_ Você vai me ensinar a rezar?
_ Não. Você ainda não está preparada para rezar. Como toda noviça do convento, você começará com um trabalho extremamente importante e, aos poucos, passará para coisas menos vitais para a vida diária do convento.
_ Aim, que tudo! Nunca comecei nada já assim... no topo! Já fui super promovida na vida religiosa! Isso é um looshu!
_ Você começará ajudando na limpeza dos banheiros junto com a Irmã Keep Cooler.

Fiquei passé compossé. Fiz aquela pausa dramática básica. Olhei fundo nos olhos daquela versão gorda e acabada da Vanessa Williams e falei:

_ Meu kool que eu vou limpar latrina toda chicada de freira, néam?
_ Irmã Pirassununga, vou fingir que não entendi sua contestação. - pegou um microfone super antigo e chamou a Irmã Keep Cooler pelo autofalante. A bunita apareceu toda esbaforida com um lenço na cabeça e um esfregão na mão.
_ Chamou, Madre?
_ Sim, Irmã Keep Cooler. A Irmã Pirassununga ajudará você na manutenção e limpeza dos banheiros do covento.
_ Bem-vinda à equipe de limpeza, Irmã Pirassununga!
_ Meu kool. Já falei que não vou limpar nada.
_ Irmã Pirassununga, as coisas aqui são um pouco fáceis de serem resolvidas. Ou você limpa os banheiros ou não será aceita em nosso convento. Todas temos nossas funções, a sua será temporariamente essa. Podem ir. Ah, Irmã Pirassununga?
_ Guegueé?
_ Por favor, trate com mais carinho de sua higiene pessoal. Já viu o estado de suas pernas?

Olhei pra baixo e me deparei com meus gambitos completamente peludos. Juro que não sabia onde enfiar a cara. Corri pro meu quarto e peguei a Irmã 51 ahazzando na mardita. Me dá um gole, pelo amor de Diana Ross! E me arranja uma gilete, fazofavô? Minha dignidade nunca esteve tão abaixo do nível aceitável como naquela hora. Aproveitei e fiz barba, cabelo e bigode. Eu não joguei pedra na cruz. EU PREGUEI O BENDITO NA CRUZ! A Irmã Keep Cooler me esperava do lado de fora do quarto.

_ Vamos começar pelo banheiro deste andar, que é o mais problemático?
_ Defina "problemático". - entramos no banheiro. Quase desmaiei.
_ Todo cagado. Ficou claro agora? Toma, pega esse esfregão e se vira, minha filha. Tô com um baseado pronto pra ser devorado debaixo do meu travesseiro e eu não aguento mais limpar a merda das outras. Um beijo.
_ Xente! Que freirinha uó! E nem canta tão bem assim quanto pensa! - saiu e bateu a porta, na maior audácia. Fiquei sozinha com o esfregão e aquele monte de merda boiando nas privadas me encarando. - Inhaím, belezuras?

Eu sei que já morri antes, Diana Ross, mas agora seria uma ótima hora pra morrer de novo. Amarrei a piruka num coque super sensual, arregacei as mangas e me joguei naquele estouro da manada com muito glamour. A vida é assim mesmo, meus amores. Tem momentos em que você tá por cima da merda. Há outros em que você tem que lidar diretamente com ela. O importante é nunca perder a graça, estilo e mágica.

Um beijo,
Maddyrain

Don't Lose the Magic

Morales 12"
Morales 7" (low quality...)
Morales' Bump Dub Mix
Morales' Dee Dumstrumental
Dee Reprise
Hitman's 12"
Todd Terry Club Mix
Magic Todd Dub
Eric Kupper 12" Mix
Eric Kupper Radio Mix
StoneBridge Club Mix
Stoney's Dub
Dave Aude's Wake Up Call Mix
Dave Aude's Don't Lose the Dub
Bobby Blanco's Block Re-Edit Mix
Baggi Begovi & Soul Conspiracy Remix
The Cube Guys Mix
The Cube Guys Dub

Check comments / Link nos comentários


Chupa meu edy que faz a cobra sumir:
Hoje é dia de classic house por aqui, amores. E classic house dos bons, tzá? Que você nunca ouviu falar na Shawn Christopher eu já sei. Eu só conheço Don't Lose the Magic e acho uma graça! Pra não perder tempo falando de alguém que a xente não conhece, vamos começar a jogação com glamour no remix do David Morales? O Morales 12" é aquele house básico dos anos 90 que é a especialidade do Morales. Lindo e super nostálgico! Atóron! Fico TODA cagada com os trechos instrumentais! Então se joga no Morales' Dee Dumstrumental. Preciso recomendar o Morales' Bump Dub Mix? Naum, néam?!
Esse tal de Hitman's 12" segue a mesma linha do remix do Morales, ou seja, house de qualidade. O remix do Todd Terry também é um housezinho safado, mas não adiciona nada de novo. O babadu é o Magic Todd Dub.

Como todo hit da dancefloor, Don't Lose the Magic foi relançada várias vezes. O Eric Kupper 12" Mix não fugiu muito dos remixes house originais e eu acho que os vocais foram regravados, não sei... O StoneBridge Club Mix deixou a música mais dance e club diva. Recomendado também! Eu acho que esse remix do Dave Audé foi um dos primeiros da carreira dele, pois o estilo é super copiado de algum outro remix que eu já ouvi, mas não lembro qual. Mesmo assim, o Dave Aude's Wake Up Call Vocal Mix é ultra válido e vale uma bateção de cabelo despirocada na buatchi!
O Bobby Blanco's Block Re-Edit Mix é bonitinho, mas não se compara ao remix do Morales, néam? Os mais legal desses remixes novos é o Baggi Begovi & Soul Conspiracy Remix que faz a linha house phyno super chiquetoso. Pras mais colocadas do recinto, o The Cube Guys Mix é super pró-padê na buatchi. A loka! O crédito para alguns dos remixes de hoje vai todo pro maravilhoso blog Mix Collectors do meu kérido amigo Manutek!

Maddyrain não tem, Maddyrain quer:
Será que alguém tá afim de ganhar o seu espacinho colorido e decorado com necas no céu?

hitman's 7"
boiler house boys rave edit
boiler house boys dub
eric kupper instrumental

1 Bilus felizes:

Maddyrain disse...

Download:

http://tinyurl.com/2dasmrc

Alô?! Maddyrain chamando!

Você acaba de adentrar as entranhas do mundo de Maddyrain, uma profissional da "náiti guêi" de São Paulo que ama house music e decidiu fazer a boazinha e compartilhar parte de seu acervo musical.

Filhos da Maddyrain

Ocorreu um erro neste gadget

Maddyrain recomenda!

Arquivos da Maddyrain

Você é da caravana de onde?

Clientes:


Mais detalhes da clientela