A mudança de sexo de Maddyrain

La India olhou pra mim e disse:

_ Maddyrain, tienes que passar el dia sin comer nadita. És uns órden médica.
_ E desde quando a senhora é médica?
_ Soy la curandeira de la tribo e exijo el respecto! Se nón enfio la mandioca em tu testa durante la operación!

Aprendi cedo nesta vida pra nunca mexer com quem está temporariamente com o poder nas mãos. Passei o dia sendo atentada pelo cheiro da mandioca frita, purê de mandioca, edy com mandioca, mas sem poder comer nada. Minha amiga Kelly Caleche, que é necologista, ficou me vigiando. Quando a bunita levantava pra dar sua gagadinha de hora em hora, Shana Shanshada aparecia e enfiava uma mandioca na minha boca. Uma loucura... assim... super ambígua. Me vestiram com um avental de doente totalmente aberto na parte de trás. Batia um vento e eu ficava nua em pelo. Imagina se isso acontece em São Paulo?! O povo ficaria loko! Aqui no Amazonas, é comum. Kelly Caleche me falou que a última tendência é andar pelado pelas ruas de Manaus! Achei isso tão avant garde!

_ Eu vim me despedir de você, querida.
_ Você já vai embora, Shana?
_ Eu não, mas você talvez vá, né?
_ Aim, como assim?
_ Já pensou se você morre durante o ritual? Quero ter me despedido... e quero fazer um pedido... um último pedido.
_ Gata, eu já falei que não chupo travesti.
_ Não! Não é isso! Sabe o que é... se você morrer.... por Diana Ross! Que isso não aconteça! Mas você sabe... tudo pode acontecer e...
_ Desembucha, vinhada!
_ PossoficarcomsuacoleçãodaMadonna?
_ Xente, que abusada!
_ Já que ela tá pedindo, eu também quero pedir!
_ O que você quer, Kelly, sua mercenária?
_ Eu sou mais direta e franca: quero-sua-coleção-de-perfumes-do-Avon!

Eu escolhi minhas amizadades a dedo. Com o dedo do edy. Fui carregada numa rede de pesca até o centro da tribo. Os... sacerdotes?.. pajés?... shamans?... olha, sei lá como chamá-los. Nunca prestei muita atenção à história dos índios brasileiros! Mas de toda forma, um monte de xente toda vestida com cascas de bananas e mandiocas penduradas pelo corpo formaram um círculo ao meu redor.

_ Stoy aquí quierendote, ahogándome, entre fotos y cuadernos, entre cosas e recuerdos...
_ Xente... ela incorporou a Shakira?
_ Lo siento. Stamos aquí para celebrar el ritual de la mandioca. Maddyrain, stás ciente de que nunca testamos el ritual com seres humanos?
_ Eu não sou uma ser humana... sou uma divindade.
_ Menos gata...
_ Sim! Eu estou ciente! Comecem logo! Quero minha neca de volta!
_ Kelly, por que é que ela quer voltar a ter neca? Ela é ivone de tudo! Vai usar essa neca nova pra que?
_ Não sei. Vai ver sente falta de coçar o saco nos momentos de masculinidade.

Os índios começaram a dar voltas ao meu redor e assoprar a fumaça dos cachimbos na minha cara. Jesuis... que é isso!? Quando dei por mim, estava flutuando num lugar completamente escuro. Uma luz lá longe veio até mim. Era uma mandioca com paetê.

_ Quem é que me chama?
_ Xente! Uma mandioca falante!
_ Eu sou a soberana das mandiocas! Você quer voltar a ter uma mandioca? Sinto a ausência da mandioca em você.
_ Isso, meu amô! Eu quero voltar a ter neca!
_ Você quer voltar a ser homem?
_ Eu quero voltar a ser travesti com neca, meu amô. Os clientes pagam mais. Sabe como é.
_ Só homem tem mandioca. Você quer voltar a ser homem?
_ Aim, que mandioca difícil. Isso, meu amô. Quero voltar a ter pipi. Quero voltar a ser homem.
_ Seu desejo é uma ordem.

A mandioca de paetê sumiu e eu continuei flutuando naquela escuridão. Acordei e continuava tudo escuro. Só sabia que estava acordada porque sentia o movimento dos meus olhos.

_ Kelly? Shana! Vocês tão aí?
_ Ai, ela acordou! Kelly! O que eu dou pra ela? Morfina de novo?
_ Não, viada! Sai daí!
_ Kelly! Por que tá tudo escuro? Eu tô cega!?
_ Não, Maddie. Você tá toda enfaixada. Faz parte do ritual.
_ Tira essa faixa da minha cara! Vou morrer sufocada! Que horror! - uma das duas começou a puxar as faixas que cobriam meu rosto - Ah! Claridade!

PUF! Shana Shanshada desmaiou! PUF! Kelly Caleche foi ao chão. Xente! O que aconteceu!?

Rude Boy

Instrumental
Brad Walsh Remix
Jonathan Peters Club Banger
Jonathan Peters Dub Banger
Wideboys Stadium Club Mix
Wideboys Stadium Radio Mix
Wideboys Stadium Dub
Chew Fu Bumbaclot Fix Extended
Chew Fu Bambaclot Fix Radio Edit
Low Sunday Club Mix
Low Sunday Radio Edit

Check comments / Surpresa nos comentários

Chupa meu edy, mas não morde:

Aim, sabe que eu ainda não me decidi se gosto ou não da Rihanna? Pra todos os efeitos, acho ela mediana... mas melhor que a Britney Spears. A loka. Olha a pedra voando! Desse último CD dela eu adorei Russian Roulette e Rude Boy. Será que ela escreveu essa música pro ex-namorado dela? Aquele Chris Brown horroroso? Acho válido ele mudar de nome pra Chris Ugly. Ficaria divino! Se joga na Album Version! Um pop gostoso e dance na medida certa. Atóron quando essas artistas fogem do guetho power só pra variar!

Vamos começar botando o puteiro pra trabalhar! Amores, Jonathan Peters super não precisa de apresentações, então se joguem com toda sua força purpurinada no Jonathan Peters Club Banger! Maravilhoso! Super ahazzante e tem uma parte que me deixa TODA cagada! Como eu atóron converter a bicharada pro lado glam da força dubística, se joguem no Jonathan Peters Dub Banger. É de deixar qualquer uma mais colocada ainda! Isso é puro bate cabelo no melhor estilo travesti!
Continuando a linha diva club, temos o ótemo Wideboys Stadium Club Mix! Super dançante e gostoso. Um hit da dancefloor. Recomendado. Quando a versão dub é simplesmente um instrumental do vocal mix, acho uma puta falta de criatividade.

Olha, os remixes do Chew Fu dificilmente fazem a minha cabeça, vocês sabem. O Chew Fu Bumbaclot Fix Extended não é muito diferente. Ele baixou o tempo do vocal da Rihanna e a bunita parece que tava prestes a se cagar toda. O instrumental e as batidas são bons, mas esse vocal assim... vou te contar, viu? Por fim temos o remix do Low Sunday que a xente pode ignorar hoje porque ele é aquela coisa... assim... extremamente sem sal, mesmo com uma sirene discreta durante o remix.

1 Bilus felizes:

Maddyrain disse...

Remixes:

http://tinyurl.com/2fmrekx

Alô?! Maddyrain chamando!

Você acaba de adentrar as entranhas do mundo de Maddyrain, uma profissional da "náiti guêi" de São Paulo que ama house music e decidiu fazer a boazinha e compartilhar parte de seu acervo musical.

Filhos da Maddyrain

Ocorreu um erro neste gadget

Maddyrain recomenda!

Arquivos da Maddyrain

Você é da caravana de onde?

Clientes:


Mais detalhes da clientela