Quem é você na noite?

[modo "Maddyrain Loyola" on:]

Inhaim, meus amores e pupilos nesta eterna batalha por um pouco de atenção e fuga do anonimato na noite?! Bom, quem está nessa batalha são vocês, néam? Vou deixar bem claro que não preciso fugir do anonimato porque nem meus exames de urina são anônimos.
Hoje Maddyrain Loyola vai dar umas dikas super importantes pra você que tá aí, completamente anônimo, nem sua mãe se lembra o seu nome. Vai pra buatchi e só faz amizade com a tia da limpeza, néam? Isso é muito triste. Amores, as melhores festas são exclusivas. Se você não é alguém na noite, ninguém vai te chamar pra elas. Eu conheço muita biluzinha que não era ninguém na noite e continuam sendo ninguém na noite. Mas também conheço algumas poucas que não eram ninguém e agora são alguém na noite, porque o importante, meu amô, é ter sucesso e ser alguém na noite. Se você é ninguém na noite, meu amô, até pra conseguir padê é difícil.

Vou começar dando a minha lição de vida. A minha história de vida. Como eu me tornei alguém na noite. Na night de São Paulo! Amô, não sabe pronunciar night? Leia "naitji". Já vi muita buatchi de qualidade duvidosa com o nome assim. Voltando à minha lição de vida, quando eu comecei na vida, eu era pouco mais do que uma biluzinha nova que odiava colocar um pau na boca. Meu amô, como você espera ser alguém na noite sem colocar um pau na boca e fingir que gosta?! Você acha que vai entrar nas buatchis de graça só colocando sua melhor camiseta? Tem que colocar pau na boca e falar "Ai que delícia!" pra ser alguém na noite, meu amô!
Se você não é dotada de um corpo sarado e alisável e está longe dos seus planos virar michê, vai ter que chupar muito pinto.

Claro, meus amores, que eu tô pressumindo que você quer ser alguém na noite GAY, néam? Se você quer ser alguém na noite HETERO, é possível encontrar algumas xaninhas pelo caminho.
Se você gosta de chupar, você tá mais perto de ser alguém na noite do que você imagina!
Depois de muita neca, tá na hora de mudar sua atitude. Quem é alguém na noite não anda de ônibus e come em buteco, meu amô. Só se for por algum experimento científico obscuro. Quem é alguém na noite só anda de táxi e come no shopping. E lembre-se sempre do óculos de sol. Quem é alguém na noite usa óculos de sol até pra dormir, só pra não desfazer o carão durante o sono.

O carão! Chegamos no elemento fundamental de quem é alguém na noite. Eu estou desenvolvendo meu Guia Prático do Carão já tem um tempinho. A minha editora vive me cobrando, mas eu já avisei pra ela. Cada vez que vou à buatchi eu descubro uma coisa nova a respeito do carão. São tantas nuances e particularidades que eu fico loka. O fundamental é: se você não é ninguém na noite, NÃO FAÇA CARÃO. Fica feio. É que nem gente pobre querendo frequentar o Shopping Iguatemi (de São Paulo, não esse fuleiro que tem na sua cidade). Não combina. Não cola. Não rola liga. Entende? Se você é aspirante a alguém na noite, pode começar a esboçar o seu carão em casa. Acho válido jogar carão na mãe e na irmã. Tão abusadas? Carão nelas. Se você tem uma irmã que é alguém na noite, cuidado com o duelo de carões.

Eu quando estou incorporada, ahazzo no carão. Chego na buatchi já de cara fechada, pra não atrair xente que não é ninguém na noite querendo puxar assunto. Todo mundo quer um pouco do holofote. Vou pro bar, nem converso com o barman. Só se ele for super fazible. Se não, apenas aponto pra bebida e ele entende o recado. Se for fazible, peço a bebida, o telefone e aquendo ali mesmo se possível. Coloco o canudinho na boca, viro pra multidão me encarando como se eu fosse uma diva do cinema. E sou mesmo! Do cine pornô, mas sou!
Mas não vou me desfazer no estudo do carão, porque ainda estou desenvolvendo o meu Guia Prático do Carão, como eu já falei. E depois, o carão é algo inerente às bilus. Toda bilu já nasce sabendo o que é carão, mas nem todas nasceram pra ser alguém na noite.

Mas o mais importante, amô, se você busca sucesso e ser alguém na noite: seja você mesmo. Se você nasceu com sérias limitações sociais e culturais, que vai fazer? Aceite o fato, continue afogando no seu anonimato até você ser chamado pro próximo Big Brother Brasil.

Maddyrain Loyola
Soçialáitji da náitji guêi de São Paulo

[modo "Maddyrain Loyola" off.]

$ucce$$

Full Mix
LP Radio Edit
12" Master
12" Dub
7" Version
Instrumental
Expensive Mix
Filthy Lucre Mix
Rich 'n' Real Mix
Junior's Big House
E-Smoove Groovy 12"
E-Smoove Radio Edit
Maurice's Dub

Tell me are you ready, really, really ready for success...

Chupa meu edi que eu gosto:
Hoje é dia de voltar ao passado negro de Dannii Minogue e desenterrar um de seus primeiros singles. Assim como a Kylie, eu super acho o início da carreira da mocinha bem dispensável, mas tem algumas coisinhas que se salvam. Como você provavelmente nunca ouviu Success (ou $ucce$$) na sua vida, se joga na LP Radio Edit. Uma graça. Enquanto Kylie ainda era produzida pelo repetitivo PWL, a irmã mais nova se jogava numa sonoridade meio funky, meio guetho dos Estados Unidos. Gostou? Então pega a Full Mix e o 12" Dub.

E olha quem surpresa! Quem foi chamado pra remixar Success? Junior Vasquez, meu amô! Dannii não é pouca mierda não. De toda forma, o Junior's Big House NÃO é jogativo. Muito pelo contrário, tá faltando alguma coisa aí. O bunito desacelerou os vocais, usou umas batidas house interessantes, mas o resultado final é um pouco decepcionante.
O melhor remix do pacote é o E-Smoove Groovy 12"! Um housezinho safado e old school delicioso. Atóron e super recomendo. O Maurice's Dub do Maurice Joshua também é uma gracinha. Não é tão soulful como tudo que ele fez pra Beyoncé, mas ahazza. Os outros remixes são todos parecidos entre si e não fogem muito da versão original. Estão aí pras bilus completistas de plantão.

1 Bilus felizes:

Anônimo disse...

Could You PLEASE reup the Dannii Minogue Success Single.THANK YOU

Alô?! Maddyrain chamando!

Você acaba de adentrar as entranhas do mundo de Maddyrain, uma profissional da "náiti guêi" de São Paulo que ama house music e decidiu fazer a boazinha e compartilhar parte de seu acervo musical.

Filhos da Maddyrain

Ocorreu um erro neste gadget

Maddyrain recomenda!

Arquivos da Maddyrain

Você é da caravana de onde?

Clientes:


Mais detalhes da clientela