Diário de guerra de Maddyrain

Querido diário,

Hoje acordei novamente olhando beijando o chão. Ainda não me acostumei com esse babado de beliche. Já pedi para Charlotte Chandelle trocar de lugar comigo, mas a vinhada alega sofrer de sonambulismo. Sonambulismo de kool é rola. Conheço muito bem o sonambulismo dessa passiva. Toda noite ela acorda, vai pra nossa privadinha de estimação e cheira até pegar no sono.
Além da dor do impacto, acordei com a risada histérica de uma trava magricela e alta chamada Marcella Pau-de-Sebo que faz parte da gangue de Big Berta. Não sei se a mocreia tava passando bem na hora em que eu cai ou seu olho gordo me fez cair da cama. Só sei que cai.


Aliás, falando na buda travesti, hoje foi nosso primeiro dia de guerra declarada que acabou envolvendo todo o Presídio para Travestis de Franco da Rocha.
Tudo começou na hora do chuveirão. Antes, um momento de descontração e fodelância entre as travestis que aprenderam a comer e as que nunca esqueceram como dar. Agora, um verdadeiro caos entre espuma e xuca inacabada. Assim que cheguei na porta do chuveirão, fui barrada pela trava anã LaToya Lajota. A miniatura de demônio não me deixou entrar no chuveirão! Disse que aquele horário estava reservado para Big Berta e suas amigas travas. Fiquei passada, olhando praquele rostinho do inferno, mas esperei. Meu kool. E eu lá queria me banhar no mesmo recinto que Big Berta e suas seguidoras?!


Depois que aquele monte de vinhado acabou de foder e se lavar, o que sobrou para mim foi a verdadeira xepa. Tudo o que me restou a fazer foi tentar chegar até um chuveiro limpo evitando pisar em restos de xuca mal feita e porra. O lugar inteiro parecia uma sauna pós-final de semana do Orgulho Gay! Um horror! Tinha porra e gogozito até no teto!

Na hora do almoço veio o segundo round. Entrei no refeitório com Charlotte Chandelle e nossa amiga em estado catatônico, Amélhinha Casa-de-Pinga. Descobri que o almoço era responsabilidade de Billie Jean e sua equipe de cozinheiras. Juro que daria tudo que eu tinha por um pacote de bolacha Passatempo!

Estava toda bunita sentada, conversando descontraidamente com Charlotte quando de repente, não mais que de repente, senti uma bola de feijão estourar na minha cabeça. Com o sangue fervendo, olhei para trás e vi o sorriso de bicha despeitada de Big Berta. Perdi toda minha compostura de lady, fiz uma bola com um troço verde que boiava no meu prato e atirei com toda minha força na cara gorda de Big Berta.

A bunita tava gargalhando, com a boca de chupadora bem aberta! Além do susto do ataque, teve que comer toda aquela gororoba verde que se dizia ser acelga. Billie Jean começou a gritar, dizendo que não haveria guerra de comida em seu refeitório, mas já era tarde demais. Seria necessário abrir uma exceção e deixar aquele monte de vinhado tomar um segundo banho no dia, sem foder.

Travesti é um ser muito pacífico e descontraído, mas não irrite ou roube o bofe de um travesti, meu amô!

Agora estou aqui, nessa solitária, escrevendo com nem queira saber o que nos muros da cela para o tempo passar. Acabei de cantar Fun For Me do Moloko inteirinha só pra irritar Big Berta, que está presa na cela ao lado. A bunita começou a cantar Ângela Rô Rô. Acho que ela ganhou no quesito "Irritando Maddyrain".

Maddyrain é muito pacífica e descontraída, mas não irrite Maddyrain...


Fun For Me

Radio Edit
Doctor Rockit Remix
Mr Scruff Vocal
Mr Scruff Instrumental
Brian Bristol Main Mix
Brian Bristol Dub
Hypnagogic Hallucination Vocal Mix
Hallucination's Dream Dub
Halluincation's Dreamcatcher Dub
Monster Mix
Nudie Mix
Loko Mole Mix
Stepping Mole Mix

I dreamt that I was sitting in the devil's company...

Selo "Chupa meu Edi" de Qualidade:
Amores do meu edi, enquanto tem muita biluzinha que ficou conhecendo o Moloko aos 45 minutos do segundo tempo, Maddyrain foi introduzida pela voz de Róisín Murphy cantando Fun For Me no comercial da Lucky Strike! Uma loucura! Depois descobri que a música tocava no filme do Batman com os dois bofes super fazíveis Chris O'Donnell e George Clooney. Precisava de algum outro incentivo pra virar fã?!
Mas sejamos realistas, meu amor... além de Fun For Me, o Moloko só estorou mesmo com Sing It Back. O que é uma pena, porque atóron os outros singles da banda.
Pra você que nunca assistiu Batman e não fuma cigarros Lucky Strike, se jogue na Radio Edit de Fun For Me! Essa música é uma delícia! A letra fala de nada com nada, mas é uma gracinha mesmo assim.

Agora vamos aos remixes... muita calma nessa hora, meu amô! Tem muita porcaria nesse angu! Vamos começar com a bateção de cabelo nossa de cada dia. Brian Bristol fez os remixes mais club vinhado do pacote. Podem pegar o Brian Bristol Main Mix que é uma dance underground super gostoso. Mas, nem tudo é rosas... de repente, não mais que de repente, o remix fica meio breakbeat chato que não me agrada muito. Pros dubísticos de plantão: se joguem no Brian Bristol Dub que é uma gostosura. Atóron as batidas. Perfeito pra tocar naquele after hours onde o povo tá tudo colocado!

Os remixes do Hallucination são um trance loko que me deixa com um pouco de dor de cabeça. Peguem o Hallucination's Dreamcatcher Dub, se entupam de narcótico e tenham a maior piração de sua vida loka!
O Monster Mix é um dance bem gostoso. Atóron o efeito na voz da Róisín. Acho que ela ficou ótema pagando de bilu ativa com aquela voz grossa. Recomendado também!
O Nudie Mix é um dance mais calmo e phyno, mas super recomendado também. Amores, se joguem nesses remixes, porque o resto é bucha!

O Doctor Rockit Mix do Matthew Herbert é aquela coisa chata, que vai de lugar nenhum para lugar algum. Está aí para meus leitores fãs do trabalho do moço (?!).
O Mr Scruff Vocal é da uma esquisitice chata sem igual. De repente, aparece um mano do gueto com um rap meio deslocado, depois umas batidas calma-lá-minha-filha. Enfim, peguemos tudo e joguemos no lixo!
Por fim, os remixes drum'n'bass mais do que datados do The Mole Man. FUJAM!

2 Bilus felizes:

p.tasteful disse...

biluuuu

atóron o perigo dessa musica. tinha época que eu sabia dublar todinha. e hazava na pistinha da Lôca quando tocava... tempos áureos.

mas, ó: não tem um remix do Plankton tb? bem bonitinho até. Acho que entrou na All Back to the Mine, não?

eu sou uma trava esquisita e atoron o Matthew Herb! Os remixes do Mr. Scruff tb têm seu momento aqui no meu flat!

beijo na vagina peidante!

Babooshka

Maddyrain disse...

Babooshka, gata! Tem remix do DJ Plankton sim. Ele saiu no All Back To Mine e no single de Fun For Me, mas não consegui achar o remix full...

Ele é tão peidinho mal dado, que nem fiz muita questão, mas se alguém tiver ele na versão full do single, é só falar!

Um beijo,
Maddyrain

Alô?! Maddyrain chamando!

Você acaba de adentrar as entranhas do mundo de Maddyrain, uma profissional da "náiti guêi" de São Paulo que ama house music e decidiu fazer a boazinha e compartilhar parte de seu acervo musical.

Filhos da Maddyrain

Ocorreu um erro neste gadget

Maddyrain recomenda!

Arquivos da Maddyrain

Você é da caravana de onde?

Clientes:


Mais detalhes da clientela